As 4 melhores baguetes de Brasília

baguete

Muitas casas vendem baguetes em Brasília, mas o gastrônomo Sebastián Parasole indica quais se aproximam mais da tradição francesa.

“Se não tivéssemos pão na mesa de casa era motivo de briga…”

Há muito tempo, os pães eram redondos. Uma das histórias conta que o pão em formato cilíndrico seria mais fácil de transportar e cortar com as mãos pelos soldados de Napoleão.

Outra história diz que, em Paris, no ano de 1920, uma lei proibia que os padeiros trabalhassem antes de 4 horas da manhã, e o pão de forma mais alargada permitia a uma cocção mais curta.

Existem outras histórias, mas a famosa baguete que conhecemos hoje foi oficialmente reconhecida somente em 1993 e faz parte do patrimônio francês.

O processo para fazer uma baguete é puramente artesanal. O padeiro deve seguir as instruções de produção, respeitando algumas regras e medidas. Os ingredientes autorizados são: farinha, água, levedura e/ou levain e sal; não devendo ter ovo, leite ou óleo.

Crocância, leveza e acidez são características positivas. A baguete tradicional francesa também deve medir entre 55 a 65cm e pesar entre 250 e 300g.

Existem várias lojas que vendem baguetes em Brasília, porém minha opinião pessoal as quatro melhores baguetes escolhidas em ORDEM ALFABÉTICA são:

1.CARDABELLE
CLN 403 bloco E loja 41
Telefone: (61) 3036.6656

  1. CASTÁLIA PADARIA E CAFÉ
    CLN 102 bloco D lojas 64/74
    Telefone: (61) 3081.8899
    Instagram: https://www.instagram.com/castaliartesanal/
  1. DYLAN CAFÉ E BAKERY
    CLS 315 bloco A loja 15
    Telefone: (61) 3363.1294
    Site: www.dylancafe.com/
  1. VARANDA PÃES ARTESANAIS
    CLN 215 BL D Loja 39
    Telefone: (61) 3033.2002
    Site: https://www.varandapaesartesanais.com.br/

Lembre-se que o paladar se educa e o cliente escolhe.

Observação: A foto mostra a peça inteira e foto do exterior crocante e interior mostrando tamanho dos alvéolos provocados pela fermentação

Boa descoberta!!!”

(*) Sebastián Parasole é coordenador geral de Gastronomia do Iesb.

 

Editores, colaboradores e convidados do portal Gastronomix.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.